BUSCA PELA CATEGORIA "Brasil"

15 Abril 2019 - 15:56

Número de mortos identificados chega a 228 na tragédia de Brumadinho

(Foto: Washington Alves/Reuters)

A Defesa Civil de Minas Gerais contabilizou 228 mortes em decorrência do rompimento da barragem de rejeitos da mineradora Vale em Brumadinho (MG). De acordo com matéria da Agência Brasil, o número inclui três corpos identificados desde o último balanço, feito no dia 11. A atualização, divulgada neste domingo (14), registra 395 pessoas encontradas e 49 desaparecidos. Localizada nas proximidades de Brumadinho, região metropolitana de Belo Horizonte, a barragem da Mina do Córrego do Feijão rompeu-se em janeiro, resultando na morte de funcionários da Vale e de moradores da cidade, além contaminar o Rio Paraopeba, responsável por 43% do abastecimento da região. Em decorrência do episódio, a Vale responde a processo na Justiça por reparação de danos às vítimas e ao meio ambiente. A empresa já teve mais de R$ 13 bilhões bloqueados por decisão judicial. Em março, representantes do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) denunciaram, em audiência na Assembleia Legislativa de Minas Gerais, que a mineradora estava atrasando pagamentos emergenciais às famílias afetadas. Diante da situação, entidades representativas de trabalhadores vítimas do rompimento da barragem da Vale informaram ter entrado com uma ação coletiva contra a mineradora. Nela, pedem R$ 5 bilhões em indenizações por danos morais coletivos e sociais provocados pela empresa. As entidades reclamam reparação por danos morais tanto às famílias dos funcionários que morreram durante a tragédia como aos trabalhadores sobreviventes.

12 Abril 2019 - 08:47

Bolsonaro acaba com o uso do Vossa Excelência e  Doutor

(Foto: Marcos Corrêa/PR)

Entre os 18 decretos e projetos assinados nesta quinta-feira (11) pelo presidente Jair Bolsonaro na celebração dos 100 dias do governo, o de número seis, muda a forma de tratamento e de endereçamento nas comunicações com agentes públicos da administração pública federal. Com isso, os termos  “Vossa Excelência”, “Doutor” serão substituídos pelo uso do pronome de tratamento “Senhor” e suas flexões para o feminino e o plural. O objetivo é tornar o poder público mais próximo da população, passar a mensagem que todos devem ser tratados da mesma forma. O presidente Jair Bolsonaro teria tido a ideia  de “simplificar” a forma de tratamento a partir de uma iniciativa de Paulo Guedes, que eliminou o uso do “Vossa Excelência” e “Doutor” no Ministério da Economia. A medida não vale para as comunicações com autoridades estrangeiras e nem dos casos em que haja previsão em lei nas relações com os Poderes e entes federados.

11 Abril 2019 - 16:17

Polícia prende dois suspeitos de envolvimento em tragédia de Suzano

(Foto: Reprodução)

Outros dois suspeitos de envolvimento no ataque realizado na Escola Estadual Professor Raul Brasil, em Suzano, São Paulo, em 13 de março, foram presos nesta quinta-feira (11) pela Polícia Civil. O ataque à escola, ocorrido na manhã do dia 13 de março, foi executado por dois ex-alunos, de 17 e 25 anos, armados. O massacre deixou dez pessoas mortas, duas funcionárias da escola, cinco alunos, um comerciante e os dois atiradores. O tiroteio deixou ainda 11 feridos. Nesta quarta-feira (10), um homem de 47 anos, suspeito de vender o revólver e a munição usada pelos dois atiradores, já havia sido preso. No último dia 19, a polícia prendeu um adolescente de 17 anos, amigo de um dos atiradores, sob a acusação de também ter participado do planejamento do atentado. Desde então está em uma unidade da Fundação Casa. O adolescente pode permanecer internado por até 45 dias, após esse prazo, Justiça deverá se pronunciar a respeito de uma sentença definitiva, que pode durar no máximo três anos. A defesa do jovem nega que ele tenha qualquer envolvimento com o caso.

11 Abril 2019 - 15:46

Bolsonaro confirma 13º salário para beneficiados do programa Bolsa Família

(Foto:b Reprodução | NBR)

O presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), confirmou, nesta quinta-feira (11), o 13º salário para beneficiários do programa Bolsa Família. A informação foi divulgada em sua conta no Twitter. Segundo o chefe do Palácio do Planalto, os recursos são "oriundos em sua esmagadora maioria de desvios e recebimentos indevidos".

06 Abril 2019 - 10:54

PF é acionada após servidores terem acesso a informações de Bolsonaro

(Foto: Flickr/Bolsonaro)

A Polícia Federal foi acionada nesta sexta-feira (5) pela Receita Federal após ser identificado que dois servidores tiveram acesso a informações fiscais do presidente Jair Bolsonaro e integrantes de sua família. Segundo o fisco, foi aberta uma sindicância no órgão para apurar as circunstâncias nas quais esse acesso foi feito. “A sindicância concluiu que não havia motivação legal para o acesso e, por esta razão, a Receita notificou à Polícia Federal ao mesmo tempo em que iniciou procedimento correicional, visando apurar responsabilidade funcional dos envolvidos”, informou, por meio de nota. O órgão não deu mais informações sobre os servidores ou sobre quais parentes de Bolsonaro tiveram os dados acessados. Segundo a Folha, em fevereiro deste ano, a Receita também notificou a Polícia Federal após o vazamento de ações de fiscalização sobre autoridades. O pedido foi feito após vir a público a informação de que teria sido aberta investigação sobre o ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Gilmar Mendes e sua esposa, Guiomar Mendes.

06 Abril 2019 - 10:39

Mega-Sena pode pagar neste sábado prêmio de R$ 32 milhões

(Foto: Blog Regional)

Acumulado, o prêmio da Mega-Sena deste sábado (6) está estimado em R$ 32 milhões. As seis dezenas do Concurso 2.140 serão sorteadas hoje (6), às 20h, em São Paulo. As apostas podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília), em qualquer casa lotérica do país ou pelo site de loterias da Caixa. A aposta mais simples custa R$ 3,50. No sorteio da última quarta-feira (3) foram sorteadas as seguintes dezenas: 14 – 23 – 29 – 41 – 57 – 58.

04 Abril 2019 - 20:11

PF encontra provas de corrupção na delegacia do caso Marielle Franco

Foto : Renan Olaz/ CMRJ

A Polícia Federal (PF) encontrou provas de que houve atos de corrupção praticados por integrantes da Delegacia de Homicídios da Capital (DH) do Rio de Janeiro, que é responsável pela investigação dos assassinatos da vereadora Marielle Franco (PSOL) e do motorista Anderson Gomes, há mais de um ano. De acordo com reportagem do UOL, os atos de corrupção na delegacia impediram o esclarecimento da autoria de assassinatos que envolvem milicianos do "Escritório do Crime" e integrantes da máfia do jogo do bicho no RJ. A informação foi confirmada por duas fontes ligadas ao inquérito da PF que investiga se houve obstrução à investigação sobre as mortes de Marielle e Anderson. Ao menos dois delegados estariam na folha de pagamento do chamado "Escritório do Crime". A propina era paga na própria delegacia, localizada na Barra da Tijuca. Depois da conclusão do Caso Marielle, a equipe da PF vai focar no desbaratamento da relação promíscua que une integrantes do crime organizado e agentes da segurança pública do estado.

04 Abril 2019 - 20:04

Após saída de cubanos, Mais Médicos tem 1.052 desistências em 3 meses

Foto: Carla Ornelas/Secom

Cerca de 15% dos médicos brasileiros que entraram no Mais Médicos após a saída dos cubanos desistiram de participar do programa nos primeiros três meses. De acordo com levantamento da Folha de S. Paulo, ao menos 1.052 médicos que assumiram entre dezembro de 2018 e janeiro deste ano já deixaram as vagas. No total, 7.120 médicos brasileiros ingressaram no programa nas duas primeiras rodadas de seleção após o fim da participação de Cuba no Mais Médicos. Além desses, outros 1.397 médicos brasileiros formados no exterior tinham previsão de iniciar as atividades até o fim da última semana, mas o balanço dessas adesões ainda não foi divulgado. Segundo dados do Ministério da Saúde, o maior volume de saídas do programa é registrado em cidades com 20% ou mais da população em extrema pobreza. São 324 desistências, ou 31% do total. Em seguida estão capitais e regiões metropolitanas, com 209 desistências, ou 20%.

02 Abril 2019 - 10:43

Corte de luz por falta de pagamento na conta é proibido em todo território brasileiro

Foto: Reprodução

O consumidor que não pagou uma conta de luz há mais de 90 dias não pode mais ter a eletricidade cortada – desde que as faturas posteriores à conta atrasada estejam quitadas. Essa é a nova determinação da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) para proteger o fiel pagador que, eventualmente, esqueceu de pagar uma fatura – que é antiga demais ou pode não ter sido enviada pela concessionária. A regra está prevista na Resolução 414/2010 (que foi publicada no último dia 15 de março, editada para evitar confusões. Isso porque, às vezes, um morador tinha a luz cortada por causa do atraso no pagamento de um boleto em atraso há anos – em muitos casos quem deixou de pagar nem é mais o morador do imóvel. “Não se pode penalizar o consumidor que por acaso esqueceu ou falhou no pagamento – e a concessionária teve 90 dias para lembrá-lo e não o fez. A distribuidora não pode cortar com base numa conta que ficou esquecida lá atrás, sendo que o consumidor fez os pagamentos posteriores. É para evitar esse tipo de situação”, diz Romeu Donizete Rufino, diretor da Aneel. A mesma norma ainda prevê que a suspensão de fornecimento por falta de pagamento da conta de energia só poderá ser feita em dias úteis da semana e durante o horário comercial (8h às 18h), e não mais a qualquer momento como era possível antes. Isso porque, segundo Rufino, não é o corte que interessa ao consumidor e à concessionária, mas sim um serviço de boa qualidade e o pagamento em dia da fatura. “Se houver um corte de energia no final do dia da sexta-feira, por exemplo, o consumidor poderia eventualmente pagar, quitar e só teria a energia de volta na segunda-feira. O propósito não é esse, não é deixá-lo sem energia. Essa medida vem para protegê-lo e não deixá-lo sem o serviço essencial no final de semana”, completa Rufino.

01 Abril 2019 - 16:13

No dia da mentira, CNJ combate fake news do Judiciário

Foto: José Cruz/Agência Brasil

No dia da mentira, lembrado neste 1º de abril, o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) lança uma campanha na internet para combater as notícias falsas (fake news), com a hashtag #FakeNewsPerigoReal, depois de o Poder Judiciário ser alvo, nos últimos meses, por uma série de críticas incluindo informações falsas disseminadas pelas redes sociais. O tema tem suscitado incômodo no presidente do CNJ e do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, que, no mês passado, determinou a abertura de um inquérito, a ser conduzido pelo ministro Alexandre de Moraes, para apurar ameaças e a disseminação de informações falsas sobre a Corte. “A popularização das redes sociais e a disseminação de boatos e falsas notícias têm um impacto real e imediato na sociedade, como a destruição de reputações, prejuízos financeiros e até mesmo a morte. Esta ação pretende alertar a sociedade sobre os riscos do compartilhamento das fake news e suas consequências fora do mundo virtual”, diz o texto que descreve a campanha.

31 Março 2019 - 08:27

Morre Marquinhos, ator de pegadinhas do João Kleber

Foto: Reprodução

Morreu no final da tarde de sábado (30), aos 70 anos de idade, no Hospital das Clínicas, em São Paulo, o ator de pegadinhas do João Kleber, Marco Antônio Eugênio Martini, conhecido como Marquinhos. A informação foi confirmada pelo diretor do programa “João Kleber Show”, Rafael Paladia. Ele que fazia pegadinhas na RedeTV!, estava hospitalizado, tratando de um câncer no cérebro. A doença foi descoberta no final do ano passado. Ele passou por uma cirurgia este mês, que acabou resultando em complicações. A causa da morte do ator foi falência múltipla de órgãos. Ele, vale dizer, ficou conhecido pelo bordão, “o quê, o quê, o quê, rapaz”, que inclusive, serviu como lema de sua campanha para vereador em São Paulo no ano de 2016. Segundo o UOL, o corpo de Marquinhos será velado por familiares e amigos no Cemitério da Quarta Parada, na zona leste da capital paulista.

28 Março 2019 - 11:25

Operação contra pedofilia cumpre 8 mandados de busca e apreensão na Bahia

Foto: Gabriel Palma/TV Globo

A nova fase da Operação Luz na Infância, deflagrada pela Polícia Civil nesta quinta-feira (28), em 26 estados e no Distrito Federal, cumpre 8 mandados de busca e apreensão em Salvador, região metropolitana (RMS) e interior da Bahia. Em todo o país, foram expedidos 266 mandados de busca e apreensão e, até as 8h, 50 pessoas já haviam sido presas. A 4ª fase operação apura crimes de abuso e exploração sexual contra crianças e adolescentes praticados na internet, além de armazenamento, compartilhamento e produção de pornografia infantil. Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), os alvos foram identificados pela Diretoria de Inteligência da Secretaria de Operações Integradas do Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), com base em elementos informativos coletados em ambientes virtuais, que apresentavam indícios suficientes de autoria e materialidade delitiva. As informações foram repassadas às Polícias Civis, no caso da Bahia, à Delegacia Especial de Repressão aos Crimes Contra a Criança e o Adolescente (Dercca) e Departamento de Inteligência Policial (DIP), que instauraram inquéritos e solicitaram aos juízes locais a expedição dos mandados de busca e apreensão.

26 Março 2019 - 15:23

INSS altera regras para prova de vida e renovação de senhas

Foto: Blog Regional

Resolução do Ministério da Economia publicada hoje (26) no Diário Oficial da União altera as regras para prova de vida e renovação de senha de beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). A partir desta terça-feira, os procedimentos podem ser executados por meio de atendimento eletrônico (com uso de biometria ou identificação por funcionário da instituição financeira pagadora) ou por meio de representante legal ou procurador cadastrado no INSS ou na instituição financeira. Beneficiários com idade igual ou superior a 70 anos poderão solicitar a realização de prova de vida no INSS, sem prejuízo da possibilidade de comparecer à instituição financeira pagadora. Para beneficiários com dificuldade de locomoção e idosos acima de 80 anos, poderá ser realizada pesquisa externa, com comparecimento a residência ou local informado no requerimento, para permitir a identificação do titular do benefício e a realização da comprovação de vida. No caso de beneficiários com dificuldades de locomoção, o requerimento para realização de prova de vida por meio de pesquisa externa deverá ser efetuado pelo interessado, perante uma agência da previdência social, com comprovação via atestado médico ou declaração emitida por uma unidade de saúde. Os serviços deverão ser previamente agendados por meio da Central 135 ou do Meu INSS. O INSS poderá bloquear o pagamento do benefício encaminhado às instituições financeiras até que o beneficiário atenda à convocação. “A prova de vida e o desbloqueio de crédito realizado perante a rede bancária será realizada de forma imediata, mediante identificação do titular, procurador ou representante legal”, informou o órgão. Desde 2012, segurados do INSS devem comprovar que estão vivos para manter o benefício ativo. O procedimento é obrigatório para todos que recebem pagamentos por meio de conta-corrente, conta poupança ou cartão magnético e tem por objetivo dar mais segurança ao cidadão e ao Estado, pois evita pagamentos indevidos e fraudes. A rotina é cumprida anualmente pela rede bancária, que determina a data da forma mais adequada à sua gestão – alguns bancos usam a data de aniversário do beneficiário enquanto outros utilizam a data de aniversário do benefício.

26 Março 2019 - 00:41

Correios estuda ampliar serviços e competir com Uber, Rappi e iFood

Foto: Blog Regional

Os Correios estudam a ampliação dos serviços oferecidos e planejam entrar no mercado de entregas compartilhadas e disputar com empresas de tecnologia como Uber, Rappi e iFood. Segundo a Folha de S. Paulo, o projeto está em elaboração e ainda encoberto pelo sigilo de um termo de confidencialidade, a estatal faria uma parceria societária com o setor privado para criar um serviço de entregas, uma espécie de “Uber das encomendas”. Na entrega compartilhada presente no mercado, o usuário acessa um aplicativo de celular e faz o pedido por um alimento ou produto. A entrega é feita por colaboradores definidos pelo sistema. Conforme apurado pela Folha, junto a fontes que estão participando da elaboração do projeto, a estatal avalia se fará uma parceria com uma dessas companhias que já atuam no mercado ou se o negócio pode ser feito com uma empresa de tecnologia para criar um serviço novo.

26 Março 2019 - 00:18

Avô abusa de neta de 6 anos e mãe descobre ao achar preservativo dentro da criança

Foto: Reprodução

A mãe de uma menina de seis anos descobriu que a filha era vítima de abusos sexuais ao identificar um preservativo preso dentro do ânus da criança durante o banho. O avô da criança, um homem de 63 anos, foi preso neste domingo (24), acusado de ser o responsável pelo crime. O caso aconteceu em uma casa localizada no bairro de Petópolis, em Manaus. Segundo a polícia, ao encontrar o preservativo e sem entender o motivo do objeto estar no interior da garota, a mãe a questionou várias vezes. A menina contou que o avô tinha mantido relações com ela e que o crime não teria ocorrido apenas uma vez.